Escolha uma boa equipe para sua obra

Quando começamos a pensar em construção, o grande medo era escolher a equipe de trabalhadores. Pelos relatos de amigos e conhecidos, os problemas seriam certos e algumas dificuldades intransponíveis.  Com certeza, o cronograma atrasaria muito, gastaríamos muito mais que o previsto e perderíamos muitos cabelos, sem contar aqueles que ficariam brancos.

Curiosamente, temos encontrado um quadro totalmente oposto àquele que havia sido pintado. Não estamos nos incomodando, o cronograma está até adiantado, os gastos dentro da previsão e quanto aos cabelos brancos, nada além do que já tínhamos. Na verdade, estamos é curtindo muito a obra.

Qual o segredo? A meu ver, foi a escolha perfeita que fizemos dos profissionais que estão trabalhando conosco. O primeiro passo foi contratar a arquiteta e o administrador, marido dela. Com eles, veio a equipe de pedreiros que já trabalha junto há um bom tempo. Sim, tivemos um pouco de sorte, confesso.

Dois exemplos do que estou falando: o administrador já economizou pra mim muito mais do que o valor que estou pagando. Bom de negociação, conhecedor de construção civil e com tempo para se dedicar a isso, tem feito excelentes compras e economizado uma boa grana. Além disso, resolve outros problemas que eu não teria tempo para fazer. Ontem, por exemplo, contratei um papa-entulhos para retirar um monte de resto de madeira que estava atravancando a obra. Seriam três caçambas, ao custo de R$ 110,00 cada uma. No final da manhã, o administrador me liga dizendo que andou pesquisando e fazendo alguns contatos e descobriu um "reciclador de madeira", que pega esse resto de madeira na obra, sem qualquer custo pra mim. Só aí, foram R$ 330,00 de economia. E são inúmeros exemplos desse tipo.

Sobre o chefe dos pedreiros: como vocês sabem, estamos com problema de cimento em Florianópolis (aliás, parece que só aqui, pelos comentários no post anterior). Ontem, havia a previsão de recebermos 30 sacas que não chegaram. Seria muito cômodo pra ele pegar o resto da semana de folga e esperar em casa até chegar o material, certo? Sabem o que ele fez? Tinha 20 sacas de cimento na casa dele, que comprou para fazer uma reforma, e vai emprestar pra mim. Sabe o que mais? Vai trazer esse cimento no próprio carro dele, quatro ou cinco sacas por dia. Chamo isso de comprometimento e parceria, e vocês? Não devo valorizar demais um profissional desses?

Agradeço a Deus todos os dias pela equipe que conseguimos montar. Que seja assim até o final da obra!

Ah, Denise, respondendo à sua pergunta: a previsão de término da obra é no final de setembro. No entanto, parece que as coisas estão um pouco adiantadas, de modo que é possível que terminemos um pouquinho antes, talvez no início do mês. Mas isso ainda não é certo.

Pra finalizar, uma foto da obra feita agora pela manhã, já com uma parte do telhado pronta e a caixa d'água rebocada (vamos fazer um reboco externo mais rústico, achamos que fica bonito assim). Aqui, dá pra ver bem a posição solar da casa (sim, está um lindo dia por aqui, que continue assim):

6 comentários:

Cê Vilanova 14 de abril de 2011 08:48  

acho que realmente vocês estão fugindo á regra!! Sorte de vocês!! e espero que continue assim!!!
O "mestre" lá da obra também procura aterial pra gente, da algumas dicas úteis, mas não compensa o lado negativo!!
bjs e continuem com sorte!

Denise 14 de abril de 2011 12:06  

Ola,Heron!!
Q sorte a de vcs !! Dificilmente encontramos pessoas assim na construção !! Reclamações é o q não falta nesta área: tanto para reformas pequenas como construções. A minha "vai indo"...no começo mostraram serviço mas depois:uma lerdeza só !! Muita paciencia e cobrança tbém !!
Este pessoal poderia vir pra cá dar uma mãozinha, viu ??
até a próxima !!

Drielly 14 de abril de 2011 14:17  

Nossa sua casa está ficando lin da!!1 Quanto aos pedreiros realemnete está tendo sorte....muita sorte!!!Bjuss e estou te segguindo vou querer ver tudo de perto!!!

Familia Milk 14 de abril de 2011 14:18  

Olá Heron, vim conhecer sua construção.. Também estamos em obra! Já estamos chegando no telhado.. Acho que somos a minoria que teve sorte com a mão de obra.. só tivemos um problema com o engenheiro que fez o cálculo estrutural... de resto a nossa obra esta indo tranquila, sem grandes problemas!..
A previsão é que a chave esteja na mão em Junho... do jeito que as coisas estão indo bem acho que vai dar certinho com o cronograma do empreiteiro!..

Sucesso para vcs!.. Sua fachada lembra muito a casa da minha cunhada..

Patricia

J 15 de abril de 2011 08:46  

Se possível, me envie o contato desta arquiteta e do marido dela, pois vou construir em breve em Floripa e preciso de pessoas assim.

Junior

Cristiane 1 de maio de 2011 19:58  

Olá Heron, conheci seu blog hoje e li todos os posts, estamos na busca de arquiteto para dar o primeiro passo, enfim, se fosse possível me enviar o custo m2 do empreiteiro, ficarei grata, somos de Curitiba.Parabéns. Cristiane

Postar um comentário

Sobre o blog

Esse blog é o relato das nossas experiências ao construir uma casa em Florianópolis.

Pesquisar

Seguidores